Rua Paraíba, nº 477, Centro. Divinópolis, Minas Gerais.
(37) 3016-4545
contato@cibercode.com.br

Mercado de Trabalho: o uso da tecnologia e a geração Y

Mercado de Trabalho: o uso da tecnologia e a geração Y

 O Fórum Econômico Mundial por meio de um relatório publicado em janeiro de 2019,  apontou mudanças em 42% das profissões até o ano de 2022. Com tantas transformações, faz-se necessário, que os trabalhadores comecem a aperfeiçoar seus conhecimentos, como por exemplo  no campo da ciência da computação e análise de dados. Países com economias avançadas, buscam por meio da automação, aumentarem sua produtividade atender às projeções de crescimento econômico. Já os países com economias emergentes, que enfrentam intervalos  de crescimento econômico, através da tecnologia é possível que haja aumento na produtividade para impulsionar o PIB, alcançando resultados de crescimento mais rápido.

A geração Y, conhecida como os millennials, presenciaram grandes avanços tecnológicos e uma das maiores revoluções do mundo, a internet.  Se a geração X acompanhou a transição para os meios tecnológicos, a geração Y já nasceu inserida neste meio. Através de um clique, a geração Y consegue acesso a informações, esclarecimento de dúvidas, comunicação com outras pessoas a milhões de km de distância. Esta geração não pensa somente em consumir, há uma perspectiva de criação e produção dos próprios produtos. As crianças que nascem inseridas neste contexto, se habituam com a tela do computador ou do tablet de forma muito rápida, desta forma os responsáveis, devem estar atentos e acompanhar este processo, incentivando-as através de um uso saudável e consciente. A lógica do mercado de trabalho se encontra alinhada à medida que a ciência vai inovando, a tecnologia vai se  desenvolvendo e consequentemente novas demandas vão surgindo no mundo. Cada vez mais pessoas utilizando aplicativos para transporte particular, compras, negócios, ensino, por este motivo, as empresas que inovam estão se adequando às demandas atuais da sociedade, e essas tendem a se destacarem no mercado.

Percebe-se uma apreensão dos profissionais, que possuem receio sobre a possível extinção de suas profissões, mas precisamos considerar que várias profissões sofrerão um processo de evolução, aperfeiçoamento e otimização, e não necessariamente serão extintas. As empresas deverão expandir o olhar para conseguirem responder às demandas do mercado de trabalho, e assim adotarem novas especializações para surtirem efeitos inovadores.

Referências:http://www3.weforum.org/docs/WEF_2019_Strategies_for_the_New_Economy_Skills.pdf

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *